Ver Resposta Única
Antigo 12-08-2009, 16:43   #13
lude
Moderador
 
Avatar de lude
 
Registado em: Mar 2009
Localização: Chelas
Posts: 4,431
Padrão

Artigo copiado de um thread da MaximoDetalhe, os tais que fizeram o detalhe ao meu Ferrari vermelho (Honda Prelude)

Aqui descrevo algo que vai limpar dúvidas e explicar aos menos entendedores e difamadores o porquê do detalhe ser o expoente máximo no cuidado automóvel.

Todas as etapas seguem certas metodologias e os produtos utilizados são da mais elevada qualidade, comprovada e testada a nível mundial, daí que estas marcas sejam referência a nível profissional.

Explicando a segurança numa das etapas mais importantes de um detalhe, a correcção de pintura vulgarmente chamada de polimento.
A primeira coisa a fazer é retirar os contaminantes, por meio de uma "plasticina" lubrificada que arranca os mesmos e torna a pintura suave ao tacto. Veja a imagem que ilustram a descontaminação em pormenor e versão ampliada:



A descontaminação é uma fase muito importante, assim posteriormente não estamos a corrigir sobre lixo, estamos sim sobre uma superficie limpa, suave e pronta a ficar impecável.

Segue-se então a fase de isolar todos os pontos críticos, borrachas, plásticos, basicamente todo e qualquer local sujeito à passagem de esponjas, aquando do polimento.

Feito isto, todo o automóvel é medido em termos de espessura de pintura. Para tal é utilizado uma ferramenta denominada de Paint Thickness Gauge (PTG), partes ferrosas e não ferrosas como o caso do alumínio.
Poderá ver algumas medições nestas imagens:







Nunca removemos mais de 10 microns e apenas em casos extremissimos, habitualmente situamos o corte entre 3 a 5 microns. Como pode ver na imagem da contaminação, podemos generalizar um pouco a espessura das camadas e dizer que a camada de verniz, segundo os estudos já efectuados, possui entre 80 e 90 microns, agora faça as contas a quantos cortes agressivos poderemos fazer...

Agora sim, estamos aptos a corrigir a pintura da melhor maneira, sendo ou não repintura. Efectuamos sempre uma correcção essencial, nunca exagerada a não ser que seja expressamente pedida pelo proprietário mas até hoje nunca tal aconteceu. Portanto, vamos até ao necessário, apenas e só.
Na fase de polimento poderão ser usadas várias fases, cada caso é um caso, cada corte será feito tendo em conta o estado, a idade e as pretensões e estamos constantemente a efectuar medições com o PTG. Apenas refiro o corte pois é a fase que remove mais verniz, a fase de polimento e acabamento serão só para suavizar a superficie e conferir um acabamento à Máximo Detalhe.

Como vê, os métodos são bem diferentes do habitual, das oficinas ditas banais onde são removidas grandes quantidades de verniz e muitas vezes os detalhistas são alvos a abater e surgem diversos comentários depreciativos.
Siga-se pelo feedback de clientes ou ex-clientes da Máximo Detalhe, não de bocas externas que servem para denegrir a nossa imagem e por em causa o nosso profissionalismo.
__________________
ŁµÐ€ ρяѻσנє¢†s: nuno.2ya.com - ツ - ɯoɔ˙ɐʎ2˙ounu//:dʇʇɥ
BMW 330Cd | Honda Prelude 2.2 VTEC 4WS


"Subviragem é quando bates de frente no muro. Sobreviragem é quando bates de traseira no muro.
Potência é a velocidade com que bates no muro. Binário é até onde consegues levar o muro contigo."
lude está desligado   Responder com citação