Ver Resposta Única
Antigo 20-04-2009, 14:40   #5
M-Maika
Moderador
 
Avatar de M-Maika
 
Registado em: Oct 2008
Localização: Porto / Barcelona
Posts: 1,523
Padrão

Citação:
Publicado originalmente por apocalypsealexi Ver Post
Por acaso sempre pensei que fosse a mesma coisa
Passo a explicar e é bastante simples.

Básicamente o funcionamento é similar com algumas diferenças.

O turbo precisa de mudanças internas nos pistões e o supercharger não.
O turbo funciona com os gases do escape e precisa de ter um colector próprio, o supercharger é ligado a uma polie á saída do motor.
Com um turbo consegues sempre mais cavalos do que um supercharger, mas não é tão duradouro como o supercharger com a utilização.
O turbo sofre por vezes do problema do turbo lag e o supercharger não sofre rigorosamente nada.

Nos modelos M3 E92 grande parte dos fabricantes prefere trabalhar com supercharger por causa das seguintes razões:
-Não é preciso mudar nada no motor.
-Fica mais barato o supercharger, porque seria obrigatório colocar twin turbo, ou seja um turbo para cada 4 cilindros e o supercharger como está ligado á polie no motor dá para os cilindros todos.
-Uma questão de espaço, que não é muito neste tipo de motor.
-Os ganhos são bastante bons, caso da Gpower que consegue ir aos 650 cavalos.

Penso que é tudo, mas se alguém tiver alguma questão é só dizer.

Cumprimentos,

Maika
__________________
BMW M3 E92 Alpine White
Caixa 7 velocidades M-DKG ( duplo disco )
Tecto em fibra de carbono
EDC ( electronic damper control )
Jantes 19 OZ Ultraleggera HLT
GruppeM Ram AIR com filtro ar K&N
Escape completo SuperSprint Race

Projecto: http://www.forumbmwportugal.com/showthread.php?t=70

Fotos BMW M3: http://www.forumbmwportugal.com/album.php?albumid=2
Fotos Tema BMW M3 frente a frente Porsche GT3 RS: http://www.forumbmwportugal.com/album.php?albumid=121
M-Maika está desligado   Responder com citação