Tópico: Ajuda termometro
Ver Resposta Única
Antigo 05-11-2010, 09:21   #10
viper
Ajudante de Mecânico
 
Avatar de viper
 
Registado em: Aug 2009
Posts: 226
Padrão

Citação:
Publicado originalmente por Chelsea Ver Post
Citação:
Publicado originalmente por Virgilio Ver Post
Pela minha parte dou o assunto por encerrado, peço desculpa se ofendi alguem inconscientemente.
Começando logo pelo fim...calma, que não ofendeste ninguém, nem tenho quaisquer dúvidas que aqui ninguém ficou ofendido com nada. Estamos apenas a dialogar e trocar ideias/opiniões.
Não podia estar mais de acordo. Estamos todos aqui para conversar sobre automóveis e trocar opiniões

Citação:
Publicado originalmente por Chelsea Ver Post
Eu pessoalmente, nem olho para as rpms que o carro faz, pois de ouvido dá para ter uma boa ideia da faixa em que o carro está em determinada altura...mas admito que dá muito jeito.
Mais uma vez estou 100% de acordo, só muito raramente olho para as rpms. Por exemplo, não tenho interesse nenhum saber se estou a 2200rpm ou 3200rpm.
Mas, de qualquer das formas efectivamente é um manómetro que também aprecio que esteja presente.
Se tivesse um M3 ou algo do género é que gostaria certamente de levar a rotação perto do regime de corte. Num diesel... Não faz sentido nenhum.

Citação:
Publicado originalmente por Chelsea Ver Post
Para o grande grosso dos condutores, provavelmente o melhor é ter uma boa electrónica a controlar e a proteger o carro...evitando males maiores.
Eu diria 100% dos condutores... Até me considero cuidadoso, mas em 1993 um carro em que o ponteiro da temperatura subiu ao máximo.

Escusado será dizer que só quando vi fumo a sair do motor é que olhei para o ponteiro e me apercebi do sobreaquecimento e que algo de muito errado se estava a passar.
Se o carro fosse mais evoluído, teria feito safe-mode não atingindo uma temperatura tão elevada.
Já agora... O problema foi um furo no radiador. Num carro mais evoluído, muito antes do safe mode teria avisado que o líquido refrigerante estava baixo.

Depois desse caso, tive um carro em que rebentou um tubo do sistema de refrigeração. Digamos apenas que ia a mais de 200Km/h quando ouvi um "plop".
É claro que fiquei muito alerta a ver se era algum problema com pneus ou algo do género, mas o carro estava "normal".
Então olhei para o ponteiro da temperatura e estava bem no vermelho. Parei o carro e o ponteiro da temperatura permaneceu pelo menos meia-hora no
vermelho, apesar da ventoinha de refrigeração ter disparado ao máximo.

Por estas e por outras é que prefiro de longe uma electrónica bem vigilante do que confiar no condutor (que só de 10 em 10 minutos ou mais controla a temperatura).
É que 10 minutos de temperatura excessiva chegam perfeitamente para dar cabo de um motor!

Última edição por viper; 05-11-2010 às 09:25.
viper está desligado   Responder com citação